PSPE
PSPE
28 Nov
Haiti tem de encontrar um caminho de estabilidade, desenvolvimento e democracia

Haiti tem de encontrar um caminho de estabilidade, desenvolvimento e democracia

A situação politica e social no Haiti “é insustentável”, constatou Carlos Zorrinho, para quem “os protestos nas ruas são um sinal justificado de revolta contra uma administração sem transparência e contra práticas inaceitáveis que conduzem ao empobrecimento, à exploração dos mais desprotegidos, à insegurança e à grave detioração das condições de vida da grande maioria da população”.

Ao intervir na sessão plenária de Estrasburgo sobre a situação naquele país das Caraíbas, o deputado sustentou que “o compromisso da União Europeia de cooperar com o povo do Haiti para encontrar um caminho de estabilidade, desenvolvimento e democracia, respeitando o estado de direito deve ser sublinhado e aplicado de forma permanente”.

“A resolução do Parlamento Europeu que hoje aqui debatemos reforça o apoio a essa linha de ação, condenando em simultâneo a repressão violenta da livre expressão dos haitianos por parte das autoridades daquele País”, defendeu Carlos Zorrinho.

Por outro lado, considerou o deputado ser “fundamental que as organizações internacionais incrementem o seu esforço de ajuda humanitária numa situação de profunda crise, mas nenhum apoio terá o impacto necessário se as autoridades do Haiti não garantirem imediatamente, como se exige, o restabelecimento do estado de direito e da liberdade de expressão, respeitando os direitos humanos e as justas reivindicações das populações”.

 
 
 

Inscreva-se e receba notícias dos Socialistas Portugueses no Parlamento Europeu