Reforço do mercado único da energia

Reforço do mercado único da energia 22.10.2020

As metas definidas para 2030, quer para a redução de emissões, quer para a incorporação de energias renováveis, quer para o aumento da eficiência energética, “continuam ao nosso alcance” disse Carlos Zorrinho ao intervir no debate parlamentar sobre o estado da união da energia. O deputado lançou, ainda, o apelo para que “sem perder de vista as metas, nos foquemos no processo e no seu impacto, em garantir energia limpa a preços mais baixos para as empresas e as famílias, em reduzir substancialmente a pobreza energética”.

 

 

Atitude responsável

Atitude responsável 21.10.2020

A União Europeia mostrou vontade política para chegar a um acordo para o Brexit, “estamos agora a aguardar a mesma atitude por parte do governo do Reino Unido”, disse na sessão plenária de Bruxelas Pedro Silva Pereira. O relator do Parlamento Europeu para a implementação do acordo de saída espera o “cumprimento integral” dos compromissos entre as duas partes.

 

 

Menos proclamações e mais medidas concretas

Menos proclamações e mais medidas concretas 21.10.2020

Os cidadãos europeus “estão atentos” às respostas políticas daqueles que elegeram para os representar, “mais do que nunca” disse Carlos Zorrinho durante o debate parlamentar sobre as Conclusões do Conselho Europeu da semana passada. “Querem mais medidas concretas e menos proclamações”, observou.

 

 

2021 ano da execução

2021 ano da execução 20.10.2020

O contexto socioeconómico na Europa não é favorável e precisa de uma resposta europeia ambiciosa. “2020 ficou marcado pela crise do século” caracterizou Pedro Marques ao intervir no debate parlamentar destinado a analisar o programa da Comissão Europeia para o próximo ano.

 

 

Apoiar a agricultura é lutar pela preservação dos ecossistemas

Apoiar a agricultura é lutar pela preservação dos ecossistemas 20.10.2020

Apoiar a agricultura através da Política Agrícola Comum (PAC) é lutar pela preservação dos ecossistemas e contrariar o abandono das terras. “Apoiar a manutenção da atividade agrícola é também apoiar a manutenção de áreas agrícolas de elevado valor natural, contrariar o abandono das terras e consequentemente, lutar pela preservação dos ecossistemas agrícolas e das espécies a eles associadas, e isto deve ser reconhecido”, afirmou Isabel Estrada Carvalhais ao intervir na sessão plenária de Bruxelas sobre a reforma da PAC.