30 de outubro de 2020
 

As Comissões do Orçamento e dos Assuntos Económicos e Monetários do Parlamento Europeu aprovaram o reforço do programa InvestEU em 14 mil milhões de euros. O InvestEU é um mecanismo de apoio e incentivo ao investimento privado com prioridade para em áreas como a transição digital e o pacto ecológico. Após acordo com o Conselho, este reforço, que poderá ser complementado com verbas dos planos de Recuperação e Resiliência, aumentará a capacidade de resposta ao impacto económico da COVID19.

Carlos Zorrinho

Twitter Facebook

A Comissão Europeia assinalou os 75 anos das Nações Unidas através de uma declaração do Vice-presidente e Alto Representante da União Europeia. Um dos maiores projectos da humanidade, com qualidades e defeito está constantemente a ser atacado e defendido por inúmeras razões. Ao celebrar o seu 75° aniversário ninguém pode negar o impacto positivo que teve na vida de milhões de pessoas e o papel decisivo na defesa dos direitos humanos, do multilateralismo e na procura da paz. Saúdo a declaração de Josep Borrell e espero que a UE continue a apoiar as Nações Unidas e os ideais que ela representa.

Isabel Santos

Twitter Facebook

A proposta de diretiva para um salário mínimo justo a nível europeu, uma das mais importantes reivindicações do S&D, foi apresentada no dia 28 pelo Comissário Nicolas Schmit, distinto membro da família socialista. A mera existência desta proposta significa que as instituições europeias aprenderam com os erros do passado e é um sinal da reorientação do projeto europeu na direção de uma Europa Social, indisponível para continuar a ignorar, entre outros, a realidade dos trabalhadores pobres. Um grande dia para o S&D e para o PES.

Manuel Pizarro

Twitter Facebook

Tempo de avançar

O Parlamento Europeu votou a sua posição sobre a nova Política Agrícola Comum (PAC). Embora seja compreensível que muitos desejassem um compromisso maior com a ambição ambiental, não podemos ignorar o trabalho feito no sentido de encontrar um equilíbrio entre aquilo que são as exigências do Pacto Ecológico e as exigências de uma agricultura que se pretende competitiva, geradora de rendimentos condignos para todos os agricultores e que se manifesta em realidades ainda muito distintas por toda a União Europeia.

Exemplo desse equilíbrio que não descura a dimensão ambiental, é a proposta de uma arquitetura verde que procura elevar o compromisso ambiental não apenas através de condicionalidades, mas também de mecanismos de incentivo para os agricultores, como as medidas agro-ambientais e os novos eco-regimes. A proposta não será perfeita, mas não podemos perder de vista de onde partimos há mais de dois anos. Agora é tempo de avançar. Os nossos agricultores não entenderiam que assim não fosse.

Isabel Estrada Carvalhais

Twitter Facebook

"A proposta do OE responde aos objectivos que nos propomos: combater a pandemia através de um reforço sem precedentes do SNS, proteger solidariamente os que mais duramente foram atingidos pela pandemia e apoiar a economia e o emprego."

António Costa, Primeiro-ministro

Num ano marcado pela Covid-19, e no contexto de uma crise económica e social sem precedentes, o OE apresentado pelo Governo contém as medidas necessárias para proteger as pessoas e recuperar o país. A sua não aprovação representaria um grave prejuízo para os portugueses, que se veriam privados das respostas de que o SNS precisa, do reforço da proteção social e das medidas de apoio às empresas e ao emprego. Este é um bom orçamento para Portugal e para os portugueses. Tem de ser aprovado!

Pedro Marques

Twitter Facebook

A deriva antiliberal da Polónia tem-se intensificado. Só nos últimos dias assistimos a restrições do acesso ao aborto, que agora só é possível em caso de violação, incesto ou perigo para a saúde materna, a uma cruzada contra a igualdade de género e à repressão de manifestantes pacíficos. Felizmente, esta foto das manifestações dos últimos dias mostra como a sociedade civil polaca continua a lutar contra o retrocesso e pelo progresso.

Maria Manuel Leitão Marques

Twitter Facebook

Obama apareceu na campanha presidencial norte-americana para dar um importante apoio a Joe Biden e mobilizar todos os verdadeiros democratas para derrotar Donald Trump. Mais ainda do que as palavras sempre inspiradas de um dos mais notáveis presidentes da história política da América, a mera oportunidade de rever a imagem serena de Barack Obama só pode despertar uma imensa saudade do tempo em que a liderança da nação mais poderosa do Mundo estava confiada a uma pessoa decente. Oxalá os eleitores norte-americanos compreendam que este é o tempo de afirmar um novo slogan: “Make America Decent Again”.

Pedro Silva Pereira

Twitter Facebook

Genre & Féminismes au Moyen-Orient & au Maghreb, Abir Kréfa e Amélie Le Renard, Éditions Amsterdam

Dois aspetos despertaram o meu interesse na leitura deste livro. Feminismos, no plural, e a região. E são estes dois aspetos, juntos que dão, à partida, valor a este livro. É uma boa lição ao Feminismo que considera “o Feminismo”, o seu, como a forma de lidar com a igualdade de género. Questão ancestral, é hoje essencial para o Magrebe e para o Médio Oriente do século XXI.

Margarida Marques

Twitter Facebook

Se não conseguir visualizar correctamente este email clique aqui

Para mais informações consulte a página dos Socialistas Portugueses no Parlamento Europeu: http://www.pseuropa.pt/web/
Para remover o seu email desta mailling list por favor clique aqui