14 de maio de 2021
 

O Parlamento Europeu lançou o Prémio Lux em 2007. Objetivo: apoiar a produção e distribuição de filmes europeus, estimular a reflexão sobre as questões políticas e sociais atuais e celebrar a cultura europeia. Este ano passou a chamar-se Lux Prémio Publico associando os cidadãos às escolhas. Pode ver e votar aqui os filmes nomeados para o prémio na semana do Publico Lux. Até 23 de maio. E se quer mesmo saber mais sobre cinema europeu veja ainda o meu  podcast desta semana  “E se falássemos da Europa?”. O convidado é Luis Urbano, vencedor do Prémio Eurimages Co-Production na edição dos European Film Awards 2020.

Margarida Marques

Twitter Facebook

No âmbito da Semana Europeia de Consciencialização para a Saúde Mental, a Comissão Europeia promoveu um evento sobre o impacto da pandemia COVID-19 e a necessidade de apoiar os cidadãos. No primeiro painel do dia, que integrei com a Comissária Stella Kyriakides e com a nossa Ministra da Saúde Marta Temido, alertei para a importância de garantir o acesso a tratamentos e de tratar a saúde mental de igual forma como são tratadas outras doenças. Saiba mais aqui.

Sara Cerdas

Twitter Facebook

Assinalando simbolicamente a realização da Cimeira Social do Porto, a Delegação do PS no Parlamento Europeu, acompanhada pela Presidente do Grupo dos S&D Iratxe Garcia Pérez, inaugurou um mural de autoria da artista plástica Tâmara Alves. A Cimeira Social do Porto, através da concertação e do compromisso, promoveu um forte impulso nas políticas europeias para o emprego e para a redução das desigualdades. O Grupo S&D e a Delegação do PS no Parlamento Europeu participaram ativamente na criação das condições que permitiram atingir os resultados obtidos na cimeira.

Carlos Zorrinho

Twitter Facebook

Atitude solidária e responsável

A recente declaração do presidente dos Estados Unidos, sobre o levantamento das patentes das vacinas contra a Covid-19, veio relançar uma discussão que deve ser feita de forma ponderada, mas sem perder o sentido da situação de emergência que vivemos, tornando cada vez maior o fosso entre países ricos e pobres, entre o hemisfério norte e hemisfério sul onde, devido à falta de vacinas, a doença ameaça tornar-se endémica. 

Exige-se da União Europeia, dos países mais ricos e das farmacêuticas, uma atitude solidária e responsável. Mecanismos como o COVAX ou a decisão de alguns governos de partilhar parte das vacinas a que têm direito - como Portugal irá fazer com os países africanos de expressão oficial portuguesa - ajudam, mas não são suficientes. Por isso, se a tentativa de construção de respostas negociadas falhar, não poderemos abdicar de soluções mais radicais. Está em causa salvar vidas e o tempo esgota-se.

Isabel Santos

Twitter Facebook

"Estamos aqui hoje para renovar o contrato social europeu."

António Costa, Primeiro Ministro na abertura da Cimeira Social do Porto

Com esta frase António Costa deu o tom para o desafio com que a União Europeia está hoje confrontada. Na verdade, a problemática contratualista que a frase encerra não é muito diferente do que era em finais do século XVIII: conciliar a liberdade com o bem-estar social. Na década passada, o modelo social europeu foi descarrilado por uma crença tão ingénua quanto perigosa na autorregulação dos mercados e na schumpeteriana destruição criativa. Agora, a UE aprendeu com os erros e volta a conceber o projeto europeu como um projeto de progresso social. Mas o caminho não será fácil e haverá perigos à espreita. Percorrê-lo vai exigir muita determinação, persistência e capacidade de iniciativa.

Manuel Pizarro

Twitter Facebook

Tendo em mente o compromisso de concretizar o Pilar Europeu dos Direitos Sociais, a Cimeira Social do Porto reuniu líderes dos governos e das instituições europeias, bem como um vasto conjunto de representantes da sociedade civil e de parceiros sociais para, em conjunto, discutirem e acordarem sobre os termos que permitam a consolidação de uma verdadeira Europa Social voltada para os desafios do futuro. Esta foto simboliza a união política que tem de acompanhar essa concretização. Caberá agora a todos mobilizarem-se para, de modo concreto, responderem à urgência da dimensão social do projeto europeu.

Isabel Estrada Carvalhais

Twitter Facebook

Foi com grande felicidade que participei no vídeo com que a nossa delegação no Parlamento Europeu assinalou o Dia da Europa. Felicidade e emoção de recordar o discurso de Mário Soares, no dia 12 de junho de 1985, dia da assinatura do Tratado de Adesão de Portugal às, então, Comunidades Europeias. Também nesse dia, Mário Soares não nos desiludiu. Hoje, o projeto europeu, um processo em permanente construção, já não conta com o contributo físico de Soares. Mas nós nunca deixaremos de o lembrar. Foi o que fizemos para assinalar do Dia da Europa de 2021.

Pedro Marques

Twitter Facebook

Postwar: A History of Europe Since 1945, Tony Judt, Penguin Books

A construção do nosso futuro tem que ser assente no conhecimento do nosso passado. A Conferência sobre o Futuro da Europa vai ser uma oportunidade única para debater o futuro da União. Agarrem-na sem esquecer o que custou aqui chegar. 

Maria Manuel Leitão Marques

Twitter Facebook

Se não conseguir visualizar correctamente este email clique aqui

Para mais informações consulte a página dos Socialistas Portugueses no Parlamento Europeu: http://www.pseuropa.pt/web/
Para remover o seu email desta mailling list por favor clique aqui