11 de fevereiro de 2022
 

Esta semana destaco a minha intervenção na audição pública da Comissão das Pescas sobre o papel dos setores da pesca e aquacultura no caminho para uma economia azul sustentável na UE. A economia azul sustentável deve respeitar horizontalmente o pilar ambiental, social, e económico em todas as atividades ligadas ao mar. Para tanto, é fundamental que sejam garantidos apoios financeiros que permitam enfrentar os custos sociais resultantes desta transição.

Isabel Estrada Carvalhais

Twitter Facebook

O Pacto Ecológico tem um objetivo de "poluição zero" na Europa. Hoje, felizmente, o ambiente está no centro da preocupação dos europeus. Pela primeira vez, a Comissão Europeia decidiu cobrar de forma coerciva uma multa – 15 milhões de euros a descontar em fundos europeus destinados à Polónia - por violação das normas ambientais (decisão do Tribunal de Justiça da União Europeia). Ao tomar esta atitude, ao abrir este precedente, a Comissão está a dar um passo em frente a fazer cumprir as decisões da própria UE.

Pedro Marques

Twitter Facebook

Da compra conjunta de vacinas à mutualização da dívida para a recuperação da economia, a pandemia trouxe políticas de emergência que mostraram não haver impossíveis. O que não correu tão bem também nos disse o que devemos melhorar, como é o caso da prevenção de futuros surtos de doenças infeciosas. Para que possamos tirar partido desta difícil experiência no desenho de políticas futuras, o Grupo S&D defendeu a criação da Comissão Especial COVID-19 neste Parlamento.

Maria Manuel Leitão Marques

Twitter Facebook

Cordão Sanitário 

Vigora no Parlamento Europeu um rigoroso “cordão sanitário” contra a extrema-direita - e não é por acaso. Os partidos da extrema-direita, do grupo Identidade e Democracia, a que pertence o Chega, são adversários confessos do projeto europeu, da democracia liberal e dos próprios valores humanistas, incompatíveis com as suas bandeiras populistas e xenófobas.

Assim, foi em legítima defesa dos valores europeus que os grupos políticos democráticos representados no Parlamento Europeu - incluindo o PPE, a que pertence o PSD - acordaram travar o crescimento da influência da extrema-direita recusando eleger os seus candidatos para cargos no âmbito do Parlamento. Graças a essa aliança, nenhum candidato da extrema-direita foi eleito para qualquer dos 14 lugares de vice-presidente do Parlamento ou para qualquer dos 115 lugares de presidente ou vice-presidente nas diversas comissões parlamentares, apesar de se tratar da quinta força política aqui presente. Eles protestam e vitimizam-se? É claro. Mas isso não faz diferença nenhuma.

Pedro Silva Pereira

Twitter Facebook

A maioria dos cidadãos (58%) diz que provavelmente votaria “se as eleições europeias fossem realizadas na próxima semana”. Em Portugal, essa percentagem está nos 52%.

Eurobarómetro Fevereiro 2022

Os dados divulgados pelo Eurobarómetro revelam uma tendência para um aumento de participação dos cidadãos nas eleições europeias face às eleições de 2019: 8% mais na média europeia e em Portugal mais 20%!!  Uma tendência crescente mais ainda não suficiente. A resposta eficaz e rápida da UE à pandemia, a nível sanitário e a nível económico e social, contribuem para este efeito. Esperamos que a Conferência sobre o Futuro da Europa contribua para fazer esse percurso mais rápido e com mais sucesso, colocando no centro do debate as verdadeiras preocupações dos cidadãos. E que a UE consiga transformar as conclusões de Conferência em decisão politica. Caso contrário, de nada servirá.

Margarida Marques

Twitter Facebook

Precisamente há uma semana assinalamos o dia mundial da Luta Contra o Cancro, e na próxima semana, no plenário em Estrasburgo, votaremos o Plano Europeu de Combate ao Cancro: um importante relatório que visa reduzir o fardo que o cancro representa para os doentes, as suas famílias e os sistemas de saúde. Posso afirmar que melhoramos a acessibilidade ao tratamento e aos cuidados de saúde oncológicos, trabalhamos de forma a reduzir as desigualdades, as iniquidades e a acessibilidade neste plano.

Sara Cerdas

Twitter Facebook

Ao discursar para os dirigentes africanos reunidos na 35.ª Cimeira da União Africana, e nas vésperas da 6.ª Cimeira União Europeia-União Africana que decorrerá em Bruxelas em 17 e 18 de fevereiro, o SG da ONU António Guterres apelou à paz, ao estímulo às economias, à entrega de vacinas e à recuperação sustentável para mitigar as alterações climáticas. Esta semana, no evento "Africa Week" promovido pelo o Grupo S&D foi debatido o caminho para o desenvolvimento de uma parceria de iguais entre os dois continentes.

Carlos Zorrinho

Twitter Facebook

Munique à beira da Guerra, Netflix

Esta semana recomendo um filme muito interessante, que ilustra certos movimentos que antecedem a Segunda Guerra Mundial e as tentativas feitas para evitar o conflito ou, no mínimo, preparar a Europa para a guerra que se avizinhava. Num momento, em que a Europa volta a confrontar-se com a ameaça de um conflito iminente, vale a pena reflectir sobre o significado de ganhar tempo, ceder e vencer.

Isabel Santos

Twitter Facebook

Se no conseguir visualizar correctamente este email clique aqui

Para mais informaes consulte a pgina dos Socialistas Portugueses no Parlamento Europeu: http://www.pseuropa.pt/web/
Para remover o seu email desta mailling list por favor clique aqui